"Sou talvez a visão que Alguém sonhou,
Alguém que veio ao mundo pra me ver,
E que nunca na vida me encontrou! "

Florbela Espanca

sábado, 29 de dezembro de 2007

Fim de tarde

Vejo-te através da densa neblina.
Com o olhar sigo as tuas pegadas, que sem eco, se perdem em tons de azul .
Misturado com a maresia, chega até mim um forte cheiro a pétalas ... E no meu coração desenha-se o voo das mariposas...


@Margusta

2 comentários:

Maria disse...

Uma única palavra: LINDO!!!!!!!!!

Beijinho, Margusta

margusta disse...

Beijinhos Maria !
Obrigada!
Estava por aqui...vou agora dormir!